Publicidade

ARTIGO

Rafting

O rafting mistura muita adrenalina aliada à natureza e consiste em descer corredeiras de rios por meio de botes infláveis. A atividade é praticada em equipe, por isso, a amizade e o companheirismo são duas características muito desenvolvidas pelo rafting.

Os primeiros relatos que se tem notícia sobre as viagens de barcos em corredeiras aconteceram em 1869 nos rios Colorado e Mississipi, nos Estados Unidos. Os praticantes, entretanto, não possuíam técnicas suficientes para manobrar as embarcações, o que acarretava em capotamentos e choques com pedras. Em 1986 a técnica do esporte foi revolucionada por Nataniel Galloway, que mudou a direção do assento do bote, possibilitando aos participantes encarar as corredeiras de frente, facilitando as manobras. Durante as duas Guerras Mundiais os botes eram usados como salva-vidas. Após as guerras, os aventureiros americanos passaram a utilizar os botes do exército para praticar a atividade.

No Brasil, o rafting começou a ganhar força somente em 1982, data da chegada dos botes especiais para corredeiras no país. Nesse ano também foi inaugurada a primeira empresa brasileira especializada no esporte: a TY-Y, que operava em Três Rios, Rio de Janeiro.

Por existirem muitos graus de dificuldade, o rafting pode ser feito por qualquer pessoa: das mais às menos preparadas fisicamente. À quem é iniciante, recomenda-se começar pelas corredeiras mais simples e, conforme a evolução, aumentar gradativamente o nível de dificuldade. É sempre necessário, entretanto, o auxílio de profissionais preparados que possuam grande conhecimento sobre a atividade, o roteiro que será realizado e as técnicas do esporte.

Outro quesito importante é praticar o rafting com os materiais corretos e com bom padrão de qualidade. Os materiais utilizados para a prática são: o bote (existem vários tipos de botes para cada tipo de corredeira), capacetes, coletes salva-vidas, remos e cabo de resgate.

Devido ao aumento no número de adeptos e à maior divulgação na mídia, o rafting cresce consideravelmente no Brasil. Os praticantes brasileiros encontram muitas opções, pois existem no país corredeiras tanto para os iniciantes quanto para os mais preparados e radicais. No interior de São Paulo, a cidade de Brotas é conhecida como a capital brasileira dos esportes radicais, devido tanto às suas ótimas condições naturais quanto pela excelente infra-estrutura que oferece.

Mesmo quem não mora próximo a São Paulo encontra muitos locais para a prática de rafting em todas as regiões do Brasil. Confira as melhores opções:

Região norte:

- Amazonas: Rio Urubuí em Presidente Figueiredo e Rio Novo em Palmas.

Região nordeste:

- Bahia: Rio das Almas em Nilo Peçanha, Rio das Fêmeas em São Desidério e Rio das Contas em Itacaré.

Região sudeste:

- Espírito Santo: Rio Jucu em Domingos Martins;

- Rio de Janeiro: Rio Ribeirão das Lages em Piraí, Rio Macaé em Casimiro de Abreu, Rio Mambucaba em Angra dos Reis, Rio Paraibuna em Três Rios, Rio Piraí em Barra Mansa e Rio Preto em Resende;

- Minas Gerais: Rio Bananal em Santa Rita de Jacutinga e Rio Preto em Santa Rita de Jacutinga;

- São Paulo: Rio Alto Juquiá em Juquitiba, Rio do Peixe em Socorro, Rio Jacaré-Pepira em Brotas, Rio Paraibuna em São Luís do Paraitinga e Rio Pardo em Caconde.

Região centro-oeste:

- Goiás: Rio do Peixe em Pirenópolis;

- Mato Grosso: Rio Tenente Amaral em Jaciara;

- Mato Grosso do Sul: Rio Formoso em Bonito.

Região sul:

- Paraná: Rio Nhundiaquara em Morretes, Rio Iguaçu em Foz do Iguaçu, Rio Ribeira do Iguape em Cerro Azul, Rio Cachoeira em Antonina, Rio Iapó em Tibagi, Rio Tibagi em Tibagi e Rio Jaguariaíva em Jaguariaíva;

- Rio Grande do Sul: Rio Caí em Gramado, Rio da Prata em Antônio Prado, Rio das Antas em Nova Pádua, Rio Guaporé em Encantado e Rio Paranhana em Três Coroas;

- Santa Catarina: Rio Tijucas em Angelina, Rio Benedito em Doutor Pedrinho, Rio Cubatão do Sul em Santo Amaro da Imperatriz, Rio Hercílio em Ibirama e Rio Itajaí-Açú em Apiúna.

Fonte: Portal online O Radical.

by The Cities

ARTIGOS RELACIONADOS

Arvorismo

O Arvorismo nasceu na Costa Rica na década de 1980 com o principal objetivo de observação da natureza e somente em meados da década de 90 foi ...

Canoagem

A canoagem, praticada em canoas ou caiaques construídos em resina e poliéster reforçada com fibra de vidro, é um esporte que pode ser praticado ...

Mountain bike

Mountain Bike é uma modalidade esportiva de aventura que consiste em transpor percursos irregulares e com obstáculos com uma bicicleta especial, ...

Trekking

A prática de trekking consiste em caminhar por trilhas naturais, entrar em contato com a natureza e desvendar novas paisagens. Os participantes ...

Turismo de aventura no Brasil

O turismo de aventura é um dos segmentos do mercado turístico que promove a prática de atividades de aventura recreacionais em ambientes ...

Publicidade

The Cities

O The Cities é um Portal de conteúdo estruturado que atua de forma integrada na prestação de serviços de informações confiáveis, precisas e atualizadas nas áreas de economia, cultura, turismo, história, lazer, meio ambiente, saúde, urbanismo, poder público, cotidianos e gerais.

Informações

Como utilizar o Portal

Política de Privacidade

Aviso Legal

Quem Somos

Fale Conosco

Trabalhe conosco

Receba os conteúdos
do Portal The Cities:

Quero receber

© 2014 - 2020 The Cities Todos os direitos reservados

© 2014 - 2020 The Cities - Sua cidade em evidência. Todos os direitos reservados

aguarde, processando...